sábado, novembro 19, 2005

Paraíso...

É só para desanuviar...

terça-feira, novembro 01, 2005

segunda-feira, outubro 17, 2005

Trés jolie... Paris

Pessoal para a semana vou de férias... pela segunda vez este ano. Como diz o meu namorado "Vida de Turista". Depois de Cuba, Paris é o destino. Portanto, se já visitaram a Cidade da Luz deixem aqui as vossas sugestões, o que visitar, a melhor forma de me deslocar pela cidade, etc... e já sabem... as fotos vão ser publicadas aqui no cocotaxi. Até breve.

quarta-feira, outubro 05, 2005

Angkor Wat - Cambodja

Angkor Wat

Capital do Camboja do século IX ao século XV, Angkor foi construída em torno de um templo localizado num monte, simbolizando a montanha que fica no centro do mundo, na cosmologia hindu. Posteriormente, reis ampliaram a cidade, construindo outros templos devotados a divindades hindus. As ruínas de Angkor são hoje um dos maiores monumentos arquitetónicos do mundo. O maior dos templos de Angkor é o Angkor Wat, construído no século XII, sob o reinado de Suryavarman II, para celebrá-lo como encarnação do deus Vishnu. Mais tarde, este templo tornou-se a tumba do rei. Um retângulo com cerca de 850 metros por 1.000 metros. Angkor Wat é o maior templo do mundo, com uma altura de 60 metros. foi construído em pedra, com entalhes mostrando cenas da tradição hindu. No século XIII, Angkor abrangia cerca de 100 km² sendo uma das maiores cidades do mundo. Ameaçados por ataques dos vizinhos thais, os cambojanos deixaram Angkor por volta de 1430, mudando a capital para o sul, em busca de maior segurança. Durante algum tempo, Angkor Wat sobreviveu como um centro de peregrinação budista, mas o resto da cidade foi coberta pela selva, até que arqueólogos franceses começaram a escavar o local na década de 1860. Em 1987, teve início um projeto de restauração.

quinta-feira, setembro 22, 2005

Oslo - NORWAY

Oslo é a capital e a maior cidade da Noruega. Localiza-se no sudeste do país. Tem cerca de 801 mil habitantes. Foi fundada por Harold III 1050 e é a capital do país desde 1299. Foi destruída por um incêndio em 1624 e reconstruída com o nome de Cristiania, recuperando o antigo nome de Oslo em 1925. É banhada pelo pequeno Rio Aker e está rodeada de colinas cobertas de pinhais. O clima, frio e seco no Inverno, é suave no Outono e Primavera. As águas do fiorde congelam durante dois meses no Inverno, sendo a entrada no porto assegurada pelos quebragelos.

domingo, setembro 11, 2005

Ceuta

Ceuta, território espanhol, encontra-se situada no litoral de marrocos, no Estreito de Gibraltar. O clima mediterrâneo permite verões muito acentuados. Porto pesqueiro, comercial e de passagem, é uma cidade de traça portuguesa, com típicos bairros muçulmanos. Foi conquistada por Portugal em 1415, no entanto, em 1581 tornou-se uma possessão espanhola quando Filipe II se apossou da Coroa Portuguesa. A cidade possui monumentos impressionantes, como a catedral que foi construída por portugueses, no século XV, o Santuário de Nossa Senhora de África, a fortaleza de Monte Hacho, o complexo do Fosso de São Filipe e as igrejas de São Francisco e de Nossa Senhora, junto da chamada Casa Grande, onde viveu e morreu Agustina de Aragón, a heroína da Guerra da Independência (a Guerra Peninsular, 1808).

quinta-feira, setembro 08, 2005

Petronas Towers - Kuala Lumpur (Malásia)

A Petronas Towers é um conjunto de arranha-céus, é o edificio mais alto do mundo, a seguir ao arranha-céus Taipei 101 em Taipé, Taiwan. As Petronas Towers com 452 metros foram edificadas na cidade de Kuala Lumpur, Malásia, tendo sido concluídas em 1998 com 88 andares. As torres foram projetadas pelo arquiteto Cesar Pelli, em geral configuradas por estrutura de aço e vedação em vidro, as quais foram esboçadas de maneira a lembrar motivos encontrados na arte islâmica, um reflexo da herança muçulmana da Malásia. A estrutura básica, porém, foi um desenvolvimento do projeto de um edifício cancelado em Chicago. Os bombeiros fizeram simulações de incêndio nas Petronas Towers e testaram a passagem de uma torre para a outra, registaram 15000 batidas de pés de pessoas e verificou-se serem seguras. Mais uma vez uma maneira de se demonstrar forte e resistente. Fonte: Wikipédia

terça-feira, agosto 30, 2005

Amazónia: o Pulmão do Mundo

Amazónia é o nome aplicado à região que forma o Rio Amazonas na América do Sul, constituída por sedimentos fluviais de fraca elevação, que são alagados com frequência. É a maior floresta tropical do mundo e em grande parte por descobrir. O povoamento é reduzido devido ao clima. No entanto, nos últimos 50 anos foram destruídos mais de 800 mil quilómetros quadrados de floresta e a devastação continua. Fenómenos como El Niño e o aumento das queimadas (que como se conhece alteram o regime normal das chuvas) têm contribuido para agravar a situação. Amazónia luta também contra a extinção de algumas espécies, provocada pela exploração desordenada, o desflorestamento, a caça predatória e a venda ilegal de animais.

quinta-feira, agosto 25, 2005

Seychelles - Mapa
Seychelles
Seychelles

Seychelles

O arquipélago foi avistado por Vasco de Gama em 1502, e a França reivindicou o território em 1756. Os franceses do ilhas Maurício eram os primeiros colonizadoras das Seychelles. Em 1814, o tratado de Paris deu a Inglaterra o direito de administrar as ilhas Seychelles e Maurício.
República independente desde 1976, constituída por 92 ilhas, das quais 32 são habitadas. Localiza-se no Oceano Índico, a cerca de 1600 Km a E. do Quénia e Tanzânia. A sua economia baseia-se na agricultura e, sobretudo, o turismo. A capital é Victoria. Sem dúvida um paraíso.

terça-feira, agosto 16, 2005

Machu Picchu - Perú

Machu Picchu - Perú

Machu Picchu - Perú

Machu Picchu - Perú

Machu Picchu - Perú

Machu Picchu - Peru

Antiga fortaleza inca, rival de Sacsahuamán, na cordilheira transalpina do Peru, departamento de Cuzco, a 3100 metros de altitude. As ruínas incas de Machu Picchu foram descobertas a 24 de Julho de 1911 pelo arqueólogo norte-americano Hiram Bingham de Yale e são um dos locais mais bonitos e enigmáticos do mundo. É denominada de cidade das escadas, pois apresenta 3000 degraus. Entre as ruínas encontram-se o Palácio, com o seu pátio clássico; o Palácio de Nusta, com uma bela escadaria e terraço com uma espantosa vista; o Torreón, um monumento lindissímo, que faz parte de um grupo separado e atribuído ao "curacá", o chefe da região.
Na cidade, mais concretamente na zona central, ergue-se o Grande Templo, singela composição de três muros e, próximo a este o Palácio das Três Janelas, recinto no qual no muro de fundo se abrem três bonitos vãos virados para vislumbrar o sol nascente.
A sua fundação é atribuída a Manco Cápac e Mama Ocllo, que desde a região do Titicaca procuravam uma terra onde localizar o centro do seu império, que outras autoridades situam em Cuzco. De qualquer forma, quis-se relacionar Machu Picchu como antigo Império Quíchua de Tiahuanaco.

quinta-feira, agosto 11, 2005

Evereste

É a montanha mais alta do mundo. O Evereste ou Tecto do Mundo situa-se no Himalaia, na fronteira entre o Nepal e o Tibete. Em nepalês o pico é denominado de Sagarmatha - rosto do céu - e em tibetano Chomolangma ou Qomolangma - mãe do universo. Sir George Everest em 1841 determinou a sua altitude em 8848 m, embora os cientistas estimem mais de 9000 metros. No entanto, foi Radhanath Sikdar, matemático e topógrafo indiano de Bengala, o primeiro a identificar o Everest como a montanha mais alta do mundo. Por este motivo, muito indianos consideram que a montanha se deve chamar de Sikdar e, não Everest. Durante vários anos Sagarmatha foi o grande objectivo dos alpinistas e meta de numerosas e fracassadas expedições, em particular inglesas. Edmond Hillary, agricultor da Nova Zelândia, e Tensing Norkey, dois membros da expedição britânica, conseguiram alcançar o seu cume em 25 de Maio de 1953. João Garcia, em 1999, tornou-se o primeiro e único português no Evereste. No entanto, a ambição de subir a montanha mais alta do mundo já colocou fim a muitas vidas. Os britânicos George Mallory e Andrew Irvine, a 6 de Junho de 1924 fizeram uma tentativa de chegar ao cume e nunca mais regressaram. Nunca se chegou a determinar se chegaram ao pico e morreram na descida ou se não chegaram ao cume. O corpo de Mallory foi descoberto em 1999, assim como os seus objectos pessoais, mas estava sem a foto da esposa, foto essa que o britânico tinha prometido deixar no pico. A 16 de Maio de 1975, Junko Tabei, foi a primeira mulher a chegar ao cume. Sabe-se que até ao final de 2001, 1491 pessoas conseguiram chegar ao topo do Everest, no entanto, 142 não regressaram.

quarta-feira, agosto 10, 2005

Deserto do Atacama

Posted by Picasa

Um deserto é uma região que recebe pouca precipitação pluviométrica. Assim, os desertos têm pouca vida quando se compara com regiões mais úmidas. No entanto muito da vida existente nos desertos permanecem debaixo da areia para conservar a umidade. Cerca de 1/3 da terra é deserto. O deserto do Atacama fica localizado na região norte do Chile e tem cerca de 200 Km de extensão. Este deserto é considerado o deserto mais alto e mais seco do mundo. Relativamente às temperaturas, estas chegam a atingir os 0ºC à noite e 40ºC durante o dia. Devido às temperaturas serem tão baixas à noite e tão elevadas durante o dia são poucas as cidades e vilas existentes no deserto. Umas das cidades está situada a 2400 metros de altitude e denomina-se de San Pedro do Atacama e tem cerca de 3.000 habitantes. Contudo, esta cidade alberga viajantes do mundo inteiro e tem uma vida bem agitada. Além das belezas naturais, o deserto do Atacama guarda interessantes legados históricos e arqueológicos. Os mais impressionantes são as múmias, algumas com mais de 10.000 anos, deixadas por antigos povos habitantes do deserto, principalmente os chinchorros. Há também ruínas de antigas civilizações.

segunda-feira, agosto 08, 2005

Vamos Proteger as Dunas!

Posted by Picasa
As dunas ocupam cerca de 450 Km da linha da costa porutguesa. Pode-se dizer que as dunas são um sistema móvel que resultam da acumulação de areia transportada pelo vento em que as plantas são essenciais no seu processo de formação. As dunas são ecossitemas costeiros através do qual se faz a ligação entre mar e terra. As dunas devem ser protegidas pois têm um papel fundamental, ou seja, são consideradas "muros" construídos pela natureza fornecendo "protecção à paisagem humanizada adjacente." É graças às dunas que o litoral é protegido e que é impedido que o mar ganhe terreno. No entanto, existem inúmeros factores responsáveis por destruir as dunas nomeadamente a construção de parques de estacionamento na zona posterior à duna, o designado campismo selvagem, a prática de actividades motorizadas e, também, a falta de estruturas de acesso às praias que encaminham os individuos a pisotear as dunas. Cabe a nós, enquanto utentes das prais, ter comportamentos de protecção dunar no sentido de evitar a sua destruição, por exemplo, não passear ou tomar banhos de sol bem como andar a cavalo ou com motorizadas nas dunas. Não colher vegetação dunar; sensibilizar amigos e familiares no sentido de terem conhecimento sobre a função das dunas e acima de tudo respeitar a legislação existente de protecção das dunas.

sábado, agosto 06, 2005

Barreira de Corais

Barreira de Corais
Barreira de Corais

domingo, julho 31, 2005

Barreira de Corais da Austrália

Já amaginas-te tamanha beleza? Uma fileira de Corais que se estende por milhares de Kilometros, e que somente pode ser vista por completo por um astronauta no espaço?
A barreira de corais da Austrália tem 2.200 kilometros de extenção. No entanto, existem muitos factores que podem prejudicar os corais, nomeadamente a temperatura da água e também o PH a Salinidade e também a falta de informação aos turistas de como preservar os corais.
As pessoas destroem a vida marinha andando por cima dos corais, largando as âncoras, destruição intencional para recordação, ou afundando os barcos. A colheita de coral é ilegal. No entanto, é legalmente importada conduzindo à devastação do ecossistema.
A Grande Barreira de Corais da Austrália fica inteiramente no estado de Queensland, e adquire vários nomes de acordo com a sessão. Por exemplo: Capricorn Session, que obviamente fica na altura do Trópico de Capricórnio, North Session em frente de Cairns e Port Douglas, e Whitsunday Session em frente as ilhas Whitsundays, e assim por toda a extensão. A Barreira forma também muitas ilhas, sendo que uma boa parte delas, hoje abriga resorts maravilhosos ou são completamente desertas. É possível acampar em alguma delas com autorização do departamento de Conservação mas é preciso levar tudo o que for usar, principalmente água, comida e protetor solar. Note que muitas dessas sessões são consideradas Parques Nacionais Marinhos, e nada pode ser recolhido a não ser fotos.
Mais informações em:
Galápagos - Mapa

Galápagos - Ave

Galápagos - Ave
Galápagos - Pelicano

Galapagos - Carangueijo
Galápagos - Leão Marinho

Galápagos - Iguana

Galápagos - Tartaruga Gigante

Galápagos

Galápagos

Galápagos

Galápagos, foi o arquipélago onde Charles Darwin começou a desenvolver a Teoria da Evolução. Este arquipélago é também conhecido pelas tartarugas gigantes, as iguanas-marinhas e pela sua beleza selvagem.
Galápagos é a segunda maior reserva marinha do mundo, atrás apenas da Barreira de Corais Australiana.
Tomás de Berlanga, bispo do Panamá, descobriu, em 1535, o arquipélago numa viagem do Panamá para o Peru, quando o seu navio ficou à deriva. O bispo denominou o arquipélago de “Las Encantadas”.
As ilhas Galápagos emergiram há cinco milhões de anos, como resultado de erupções vulcânicas submarinas. Podendo-se comprovar pelo facto de ainda haver muitos vulcões ativos no local.
Galápagos fica localizado no Oceano Pacífico, a 1.000 Km da costa do Equador. São um célebre grupo de 58 ilhas, das quais apenas 4 são habitadas.
As principais ilhas designam-se: Ilha de San Cristobal; Ilha de Isabella; Ilha de Santa Cruz; Ilha de Santa Maria; Ilha de Espanola; Ilha Seyour; Ilha de Santa Fé.
As ilhas Galápagos têm um clima sub-tropical com duas estações: a estação da chuva e a estação seca. As correntes do oceano são largamente responsáveis pelo clima das ilhas.
A época das chuvas começa em Novembro prolongando-se até Junho. A temperatura da água chega a atingir 24º C, ocasionalmente ocorrem tempestades tropicais.
Março e Abril são geralmente considerados os melhores meses para visitar as ilhas. Quando o clima está ameno, os ventos sopram levemente, o mar está calmo, e os pássaros estão a fazer os ninhos.
Para mais informações não deixem de visitar:

sábado, julho 30, 2005

Mapa dos Açores

Açores - S. Miguel (Lagoa das 7 cidades)

Azores - Angra do Heroismo
Azores - Mergulho

Açores - Peixes a observar

Açores - Portugal

Açores

Açores

Não me canso de fazer pesquisa sobre os Açores.
Os Açores, oficialmente designada por Região Autónoma dos Açores, pertencem ao território da República Portuguesa, encontram-se localizadas no Atlântico nordeste. O arquipélago dos Açores é constituído por nove ilhas principais que se encontram divididas em três grupos: o grupo ocidental (Corvo e flores); o grupo central (Faial, Graciosa, Pico, São Jorge e Terceira) e, por último o grupo oriental (Santa Maria e São Miguel).
O Grupo Oriental inclui também um grupo de rochedos e recifes oceânicos, localizados a nordeste de Santa Maria, denominado ilhéus das Formigas, ou simplesmente Formigas.
O ponto mais alto do arquipélago encontra-se na ilha do Pico com uma altitude de 2 352 m.
No que concerne ao clima, este é temperado, registando-se temperaturas médias de 13º C no Inverno e 24º C no Verão.
A origem vulcânica dos Açores tem a sua expressão máxima na ilha de São Miguel, no famoso Vale das Furnas e teve a sua mais recente actividade terrestre no Vulcão dos Capelinhos, na ilha do Faial, em 1957-1958. No mar, a última erupção verificou-se ao largo da Serreta (ilha Terceira) em 1998-2000. S. Miguel é a maior ilha dos Açores e a mais populosa. A ilha apresenta uma paisagem verde com vegetação luxuriante e várias lagoas líndissimas. A mais famosa á a Lagoa das 7 Cidades. Outras lagoas importantes são a Lagoa do Fogo e a Lagoa das Furnas. Na vila das Furnas a água brota da terra em ebulição.
Terceira é a segunda ilha mais populosa dos Açores. Angra do Heroísmo é a única cidade, classificada de Património da Humanidade pela UNESCO.
A Ilha do Pico é um paraíso no meio do atlântico, uma verdadeira joia biológica e geológica. As águas são de um azul intenso, a transparência verdadeiramente incrível e a temperatura amena. A abundância de peixe provocará o delírio entre os mergulhadores. Neste contexto poderá encontrar os Ilhéus da Madalena ( reserva natural que dista sensivelmente 1 milha do porto da Vila da Madalena ). Entre as zonas de mergulho destacam-se: Baixa do canal; Cais do mourato; Cachorro; Cabrito; São Mateus; São Caetano; Calheta e Meia broa.
O Faial está mesmo em frente ao Pico. A sua cidade é a Horta onde se situa o Parlamento Regional. Nesta cidade está a Marina mais importante dos Açores e talvez uma das mais importantes do Atlântico. Aqui param quase todos os barcos de recreio que atravessam o Oceano, da América do Norte para a Europa.
São Jorge é uma ilha do grupo central cuja principal característica é ser muito longa e estreita. É uma ilha muito acidentada com encostas imponentes sobre o mar. É a ilha do arquipélago onde as fajãs são mais notáveis e numerosas. Fajãs são formações geológicas que resultam da queda de parte das encostas, ao longo de milhões de anos, criando uma plataforma onde por vezes nasceram pequenas povoações. Velas e Calheta são as duas vilas da ilha, ambas na parte sul da ilha.
Graciosa é a ilha mais pequena do Grupo Central. A sua capital é a vila de Santa Cruz da Graciosa. No centro da ilha situa-se a Caldeira, que é uma caverna com 80 m de altura com um lago subterrâneo.
Nos mergulhos que efectuar nas águas Açorianas poderá observar as seguintes espécies de peixes: Mero, Garoupa, Moreia, Raia, Sargo, Bodião, Abrótea, Veja, Írio, Incharéu, Anchova, Bicuda, Patruça, Salema.
As ribeiras da Ilha de São Miguel constituem excelentes cenários para os amantes do canyoning, onde a água se precipita rumo ao seu incontornável destino, o oceano.
Quem vai aos açores não pode deixar de fazer uma visista às baleias. Cachalote; Baleia é denominado o "Rei" do mar dos Açores, sendo a baleia mais observada no arquipélago. Pode chegar a atingir um máximo de 20 m e um peso de 70 toneladas.
A Baleia Boreal; Finbeque; Baleia Sardinheira pode atingir um tamanho máximo de 17 a 20 m, sendo o tamanho médio de 14 a 16 m. Esta baleia tem uma longevidade próxima dos 70 anos. A baleia sardinheira é muito veloz podendo atingir a velocidade de 30 nós.
A Baleia Azul é o maior dos maiores animais existentes no planeta Terra, medindo em média 24 a 26m. A baleia azul é frequentemente vista nos mares dos Açores, mas ao contrário de outras baleias passa mais ao largo da costa do Pico, sendo frequentemente observada pelos atuneiros.
Peixe-boi; Baleia piloto é um dos cetáceos mais observados nos Açores.
Negro; Falsa Orca; Orca Bastarda tem uma característica interessante para os Turista, que é a de brincar à proa das embarcações proporcionando momentos únicos.
O clima nos Açores é imprevisível. Diz-se que numa ilha podem acontecer as 4 estações do ano no mesmo dia. são sempre no Verão as maiores probabilidades de não chover. A temperatura é sempre amena mesmo no Inverno. No Verão torna-se por vezes desagradável o calor com a humidade mesmo sem as temperaturas serem elevadas, pois nunca são. A água do mar é em geral agradável, mais quente que nas praias do continente, e de uma translucidez inesquecível.
Para mais informações visitem:

sexta-feira, julho 29, 2005

Madeira

Madeira

Madeira

Madeira

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...